sábado, 5 de fevereiro de 2011

Mudança de visual



 


Início de 2011: voltando a ser loira
   
Desde que me casei, há cinco anos, não ia ao salão de beleza, mas ontem resolvi radicalizar. Fiquei loira, repiquei o cabelo, fiz a sobrancelha e me depilei. A estratégia era resgatar minha auto-estima, que andava meio "prá baixo", depois que engordei 30 quilos na gravidez. Voltar à antiga forma está sendo muito difícil, já que não tenho tempo para fazer ginástica e o regime, sem a perda de calorias, fica sem efeito. Mas, mudar o visual chamou a atenção do Humberto, que quase não repara nas minhas mudanças -  assim como a maioria dos homens - e fiz sucesso também no trabalho. 
Eu adoro mudanças - de casa, de trabalho, de aparência - e vivo sendo cobaia de mim mesma. Já tive os cabelos curtos, enrolados, lisos, grandes de variadas cores; já estive muito magra, morena, etc. Acho a vida curta demais para permanecer sempre do mesmo jeito. Quero agora, mudar de emprego, sair da sala de aula. Talvez a mudança externa possa favorecer a interna, quem sabe?




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários para os e-mails: carlaolharfeminista@gmail.com ou carlahumberto@yahoo.com.br

Beijos,

Carla Vilaça